Málaga

Sob o olhar atento do Castelo de Gibralfaro estende-se uma cidade alegre,  movimentada e cheia de lugares bonitos, como a Alameda Principal ou o passeio de La Farola. Sua condição de capital da Costa del Sol a torna um dos mais importantes destinos turísticos da Espanha, por seu clima, por suas praias e por uma oferta imbatível de campos de golfe.

 

Fenícios, gregos, cartagineses, romanos... as principais civilizações mediterrânicas encontraram em Málaga, há mais de dois milênios, um enclave privilegiado para o estabelecimento de rotas comerciais graças à localização estratégica de seu porto. A Alcazaba (séc. VIII-XI) é, além de um dos símbolos da cidade, uma das principais fortalezas árabes da Andaluzia. Neste prédio se encontra o Museu Arqueológico, que contém valiosas peças das épocas fenícia e romana. Do Castelo de Gibralfaro (séc. XIV), unido à cidade por um pedaço da muralha, pode ser apreciada a melhor vista da cidade, que se abre para o mar com seu porto e com o passeio marítimo de La Farola, uma das principais áreas de lazer da cidade. Aos pés  de Gibralfaro estende-se o teatro romano, a praça das touradas (conhecida como La Malagueta) e o centro histórico da cidade. No seu centro ergue-se a Catedral (séc. XVI-XVIII), também conhecida como "a Manquita" por causa da sua inacabada torre direita. Este templo, de bela influência renascentista, conserva um interessante conjunto de capelas que contêm bons exemplos de estatuária da Andaluzia. No bairro velho destacam outras igrejas como a de Santiago (séc. XV-XVIII), com uma bela torre “mudéjar”, a dos Mártires, a do Sagrado Coração de Jesus e a do Santo Cristo da Saúde. A histórica Málaga oferece inúmeros lugares e cantos típicos. Assim, pode se admirar a fachada da prefeitura, do início do século XX, ou a praça da Merced, presidida pelo monumento a Torrijos e onde está localizada a casa natal do famoso pintor Pablo Ruiz Picasso. O percurso pela cidade velha deve passar pela lotada Passagem de Chinitas, a rua Granada, com o Museu de Belas Artes, ou a rua Larios, a principal artéria da cidade velha. Málaga também possui amplos espaços verdes, como o Parque, a Alameda Principal, os jardins de Puerta Oscura e de  Pedro Luis Alonso.

ES

Eventos e Comunicação